facetwitter

Aniversário da Casa da Cultura é comemorado com programação especial

casadacultura2

Considerada como o maior ponto turístico e histórico de Betim, a Casa da Cultura Josephina Bento comemora 31 anos de história, cultura e lazer em 2018. Para celebrar, uma programação especial foi planejada para comemorar a data ao longo de maio. A realização é da Prefeitura de Betim, por meio da Fundação Artística-Cultural de Betim (Funarbe).

A edição especial do Degusta-me, festival de cervejas artesanais e gastronomia, contará com show da banda “Nenhum de Nós”. Os gaúchos farão o show no próximo sábado, 26. O evento contará ainda com as apresentações da Banda Nubah e Samba Origem.

“A Casa da Cultura é um grande patrimônio histórico-cultural de Betim. Nela, temos um acervo significante de peças e materiais que conservam a história da cidade e do Estado”, ressalta o presidente da Funarbe, Dudu Braga.

Programação de aniversário da Casa da Cultura:
19 – Sábado, às 20h: show de Tadeu Franco.
23 – Quarta-feira, às 19h: espetáculo de dança dos alunos das oficinas culturais.
24 – Quinta-feira, às 19h: apresentação da Orquestra Sinfônica de Betim.
25 – Sexta-feira, às 20h: apresentação teatral - Armatrux, a Banda.
26 – Sábado, às 14h: Degusta-me com Nenhum de Nós, banda Nubah e Samba Origem.
28 – segunda-feira, às 10h: Projeto Conexões Criativas.

Degusta-me!
A próxima edição do festival, criado em 2017, trará as melhores marcas originais de cerveja artesanal e pratos da culinária local, em um espaço recheado de atrações culturais. Entre as marcas de cerveja participantes, estão a Jairo's Beer, URACH, Kardu Beer, Quatro Elementos, Engenho, Magbeer, Samuka Beer, Mangustu's, Trinca Malte, Capela Beer. Os interessados em participar devem trocar os ingressos por dois quilos de alimentos não perecíveis, exceto sal e fubá. O 1º lote de ingressos foi esgotado em apenas nesta segunda-feira, 14.

Troca de ingressos Degusta-me!
· Casa da Cultura Josephina Bento: avenida Padre Osório Braga, 18, Centro, das 9h às 17h30.
· Funarbe: rua Prof. Clóvis Salgado, 400, Centro, das 9h às 17h30

Histórico
Construída em 1711, a Casa da Cultura Josephina Bento servia inicialmente como pousada para tropeiros, bandeirantes e sertanistas. Os viajantes vinham de São Paulo com destino à Vila de Ouro. O local também funcionava como um comércio de secos e molhados.

Em 1985, a casa foi desapropriada pela prefeitura. No ano seguinte, iniciaram-se as obras de restauração. Em 1987, ela foi inaugurada pelo então prefeito, Tarcísio Braga, como "Casa da Cultura Josephina Bento", em homenagem a uma das mais antigas professoras da região.

Em 1997, a casa foi tombada como Patrimônio Histórico-Cultural. Hoje, espaço é utilizado para receber os principais eventos culturais de Betim. Por lá, são promovidos lançamento de livros, exposições individuais e coletivas de artistas plásticos, apresentações musicais, palestras, dentre outros. Existem indícios históricos que a apontam como a primeira construção de Betim.

Adicionar comentário

Este espaço é fornecido para que os internautas possam expressar suas opiniões sobre o artigo postado. Para outros comentários clique aqui.



Publicidade